28 de junho de 2011

DURANTE A BATALHA

Quando penso na revolta de Gideão, penso no tamanho de seu ódio por tudo que estava acontecendo com ele, sua família e todo o povo. O tamanho de sua revolta gigantesca era o tamanho de sua fé, pois apenas com trezentos ele foi para a batalha, em total dependência de Deus. Lendo toda a história de Gideão vemos a intensa guerra vivida por ele e por todos que Deus separou para com ele lutar:
"E, como Gideão veio ao Jordão, passou com os trezentos homens que com ele estavam, já cansados, mas ainda perseguindo." Juízes 8: 4
Não dá para descansar em meio á guerra. Mesmo que o cansaço tente desacelerar os passos, mesmo assim temos que continuar perseguindo o mal.
Lendo o blog da D. Cristiane, quando ela fala sobre a revolta de Gideão, ela descreve que "Gideão não aceitou menos que as promessas de Deus e quando estamos nessa fé para ir contra aos males que nos afrontam, não podemos podemos aceitar menos do que nos foi prometido." Então, continue a dar o seu grito até o fim:

 "Espada do SENHOR, e de Gideão."

Não desfaleça até que veja as promessas de Deus se cumprirem em sua vida.


4 comentários:

  1. Também estou nessa fé contra toda força do inferno que tem assolado o povo !
    abraços Dna Isis , e o lay out está lindo e forte!

    ResponderExcluir
  2. EH VERDADE AMIGA E TAMB ESTAVA OBSERVANDO ISSO HOJE MAIS FIZ UMA PERGUNTA A DEUS SOBRE ALGO Q OBSERVEI..PORQ SENHOR ESSES 2 POVOS SE NEGARAM A DAR COMIDA AOS SOLDADOS DE GIDEAO?Q LUTAVAM PARA SALVA-LOS DAS MAOS DO OPRESSOR? E DEUS PRONTAMENTE ME RESPONDEU Q DE BARRIGA CHEIA ELES IRIAM FICAR MOLES PESADO..MAIS COM FOME EQUANTO MAIS FOME MAIS A GENTE CORRE PRA LUTAR...MAIS DE BARRIGA CHEIA NOS SENTIMOS SACIADO AI ESTA O PERIGO.POIS O BANQUETE Q DEUSTINHA PREPARADO PARA ELES ERA OUTRO , ERA O SAGUE DOS INIMIGOS ...EH MUITO FORTE

    ResponderExcluir
  3. q forte arrebentou esse comentário =)bjocas dn. isis, mts saudades!

    ResponderExcluir
  4. Ta ligado D.Isis!
    Estou nessa fé: Desfaleçer, Jamais!

    ResponderExcluir

Compartilhe o que você achou dessa postagem: